VOLTAR À PÁGINA INICIAL

Mediateca

 

Notícia saída no telejornal da SIC, em Dezembro de 2007, sobre Olhão: a APOS explica o que é a arquitectura popular de Olhão (2'40''). Clique aqui.

 

Pequeno filme sobre Olhão antigo e moderno. Produzido em 2008 (6'32''). Clique aqui.

 

Um percurso pedonal em Olhão, baseado em Guia Turístico e Cultural da APOS publicado em Maio de 2010. Produzido em 2008 (5'23''). Clique aqui.

 

Notícia saída no dia 23 de Setembro de 2008, na TV brasileira, sobre a recepção na Câmara Municipal do Rio de Janeiro da comitiva olhanense constituída pelos Elos Clube de Olhão e a APOS, a propósito da comemoração do bicentenário da travessia atlântica do caíque Bom SucessoClique aqui.

 

Programa da SIC "Nós por cá", dia 15 de Janeiro de 2009, onde se falou dos problemas da Ria Formosa (4'35''). Clique aqui.

O mesmo programa da SIC "Nós por cá", dia 15 de Janeiro de 2009, onde se falou dos problemas relativos ao Plano de Pormenor da Zona Histórica de Olhão(3'20'').Clique aqui.

Relativamento ao assunto, informamos que no dia 28 de Julho de 2008 entregámos na Câmara Municipal de Olhão o nosso Parecer sobre os "Termos de Referência" do futuro Plano de Pormenor da Zona Histórica da Cidade de Olhão. No dia 22 de Julho de 2008 enviámos uma reclamação à Inspecção-Geral da Administração Local atendendo ao facto de a Audição Pública não ter sido publicitada segundo a lei. No dia 11 de Agosto enviámos uma carta às bancadas partidárias da Assembleia Municipal a denunciar o assunto. No jornal Barlavento de dia 3 de Setembro é noticiado o assunto e no nosso Fórum colocámos um post para esclarecimento. 

 

Promoção turística de Olhão: Vídeo feito na disciplina de Marketing Cultural do Curso de Animação Sóciocultural, em 19 Dezembro de 2009, de Ana Rita Fernandes, com o apoio da APOS. Clique aqui.

Filme sobre o poeta simbolista João Lúcio, sua obra e o seu Chalé, um dos poucos exemplos de arquitectura simbolista em Portugal.
O filme trata de uma visita ao Chalé no dia 29 de Abril de 2007 e foi produzido pela APOS (Associação de Valorização do Património Cultural e Ambiental de Olhão) e pela Ecoteca de Olhão, sedeada no Chalé do poeta. Tem participações de Rui Andrade (declamador), Fátima Monteiro (directora da Ecoteca), Fernando Cabrita (sobre o poeta), Jacinto Palma Dias (sobre a arquitectura simbolista, representada pelo Chalé). A edição e montagem foi de João Marco. Clique aqui.

Projecto Limpar Portugal (em Olhão) no último dia 20 de Março de 2010: ver ainda fotografias na Fuseta e no Cerro da Cabeça (Moncarapacho). Se quiser enviar-nos fotos suas de outros locais no concelho de Olhão faça-o aqui para nós as colocarmos neste site! Clique aqui.

Organização do "Planeta em Movimento" em Olhão - movimento internacional que  se traduziu por promover ações de sensibilização pelos transportes ambientalmente sustentáveis em vários locais do mundo no dia 24 de Setembro de 2011. Em Olhão a APOS organizou com a ajuda da "Associação Arte Equestre" a deslocação de mais de 85 pessoas a Faro (10 cavaleiros, 3 charretes com 8 pessoas, 57 ciclistas e mais 10 pessoas de comboio).  Clique aqui.

Este vídeo trata de uma homenagem efectuada a Alberto Iria,  distinto historiador olhanense que nasceu em 1909 e faleceu em 1992. A comemoração foi efectuada em Olhão na Sociedade Recreativa Olhanense, a propósito de ter passado o primeiro centenário do seu nascimento. A organização do evento e a realização do filme é da APOS (Associação de Valorização do Património Cultural e Ambiental de Olhão). Participaram na sessão António Paula Brito (presidente da APOS), Manuela Mendonça (presidente da Academia Portuguesa da História), Teodomiro Neto (historiador), José António Martins (historiador), Conceição Pires (sócia da APOS). Clique aqui.

Este vídeo trata da palestra de Manuel Madeira sobre Raul Veríssimo, em 27 de Fevereiro de 2010, na Sociedade Recreativa Olhanense e organizada pela APOS - Associação de Valorização do Património cultural e Ambiental de Olhão.

Raul Veríssimo (1919-2003) foi um dos mais importantes protagonistas da luta anti-fascista no Algarve no final da década de 1940, tendo organizado o célebre Encontro de Belamandil de 1947, provavelmente o encontro mais importante do MUD juvenil.Nesta palestra, de forma lateral, conta-se pela primeira vez um curioso episódio com Mário Soares, e a então sua namorada, Maria Barroso! Clique aqui.

Conferência sobre "Boris Skossyreff, o homem que quis ser "rei" de Andorra e acabou mano-rei em Olhão..."
Boris foi um aventureiro romântico, de origem russa, nascido em 1896 que fugiu da revolução soviética, trabalhou para os serviços militares e de espionagem britânicos, convenceu os representantes andorranos a dar-lhe a "coroa" e, depois de preso por guardas espanhóis é expulso para Portugal, passa por Olhão, depois França, é preso novamente pela guerra, participa na frente russa ao lado dos alemães, é preso num gulag de Estalin e termina pacificamente a sua vida na Alemanha só em 1989.
A conferência foi organizada pela APOS no dia 22 de Maio de 2010, na Sociedade Recreativa Olhanense, da autoria de António Paula Brito. Fizemos pela primeira vez a transmissão desta conferência pela internet em directo.  Clique aqui.

Conferência organizada pela APOS aberta ao público, intitulada "Olhão: a New York das conservas de peixe (1890-1945)" por Joaquim Manuel Vieira Rodrigues no dia 7 de Maio de 2011, na Sociedade Recreativa Olhanense. Joaquim Manuel Vieira Rodrigues é doutorado em História e fez o seu mestrado com a tese sobre A Indústria de Conservas de Peixe no Algarve (1865-1945). Nesta apresentação aberta ao público foram falados vários aspetos da indústria conserveira em Olhão, que tanto impacto tiveram na economia e sociologia local. Como é habitual, o público foi convidado a participar com os seus conhecimentos, especialmente as pessoas que trabalharam em fábricas. Clique aqui.

 

Apresentação do livro "Restauração dos Algarves ou os Heróis de Faro e Olhão" na Biblioteca Municipal de Faro, dia 5 de Fevereiro de 2011, com a presença do Presidente da Câmara de Faro e da Diretora Regional da Cultura do Algarve e do orador principal, Prof. António Rosa Mendes. Este livro é uma peça de teatro editada em 1809, da autoria de Luis de Sequeira Oliva, patriota que lutava com a "pena" contra as Invasões Francesas. A APOS - Associação de Valorização do Património Cultural e Ambiental de Olhão - reeditou o livro em 2010, tendo sido o trabalho de atualização e contextualização de Edgar Cavaco. A parte I contem as apresentações do representante da APOS (António Paula Brito) e do Prof. A. Rosa Mendes. A parte II contém as intervenções do Presidente da Câmara Municipal de Faro (Eng. Macário Correia), da Diretora Regional da Cultura do Algarve (Dra Dália Paulo), e dos restantes intervenientes (Dr. António Paula Brito pela APOS e Prof. António Rosa Mendes como orador convidado) com o público. Clique aqui.

1ª parte da apresentação do livro "O Novo Argonauta" publicado pela APOS em conjunto com o Elos Clube de Olhão, com as intervenções do Dr. Eduardo Nedehf (Marquês de Viana) e do Prof. António Rosa Mendes. Clique aqui.

A 2ª parte tem as intervenções do Almirante Alexandre da Fonseca, da Dra Armanda Dourada (presidente do Elos Clube de Olhão) e das entidades financiadoras, representadas pelo Dr. António Pina, Vice-presidente da Câmara Municipal, e a Dra Dália Paulo, Diretora Regional da Cultura, e está aqui.

Sessão pública sobre a "Arquitectura de Olhão: O projecto do arquitecto Carlos Ramos para o Bairro dos Pescadores", por Sofia Mendonça Teixeira, organizado pela APOS no dia 9 de Maio de 2015, na Sociedade Recreativa Olhanense. Ver aqui.

Primeira parte de documentário da RTP sobre Olhão, de grande qualidade, englobado na série "Portugal Passado Presente" datado de 1984, apresentado pelo escultor Lagoa Henriques e realizado por Francisco Manso. Clique aqui.

Algumas imagens no cemitério de Olhão, no Dia de Todos os Santos (1 de Novembro) no ano de 1976 ou 1977, filmado pelo sr. António do Ó Aleluia. Clique aqui.

Carnaval em Olhão no ano de 1977, filmado pelo sr. António do Ó Aleluia. Clique aqui.

Segundo testemunho do sr. João Reis Nogueira: "Também participei na construção de alguns carros alegóricos para desfilarem neste e no Carnaval anterior. O meu falecido pai, fez parte da organização deste e de outros desfiles de carnaval e nos festejos dos santos populares e feiras em Olhão, mais propriamente desde 1964 ate 2004. Lembro-me de ir com ele buscar o eléctrico de Lisboa que desfilou neste Carnaval, lembro-me da contratação das marjoretes que vieram de Espanha, etc, etc.
A violência neste Carnaval Olhanense era bastante, muita gente lançava sacos cheios de pedras, vidros, ovos podres, fezes e água, o que originou alguns ferimentos pouco agradáveis em pessoas, a policia e os bombeiros, acompanhavam os carros alegóricos para evitar qualquer incidente, mas que não era o suficiente de forma alguma, apesar de na filmagem não ser muito visível, mas estávamos lá."

Festas de S. João em finais da década de 1970: R. Dr. Estevão e R. da Liberdade, filmado pelo sr. António do Ó Aleluia. Clique aqui.
Quiosques em Olhão no início da década de 1980, filmado pelo sr. António do Ó Aleluia. Clique aqui.
O "T" e a Doca em Olhão, a ilha do Farol na década de 1970 e de 1980.  Clique aqui.
Ruas do Bairro da Barreta na década de 1970.  Clique aqui.
Rua do Comércio e envolventes no final da década de 1970.  Clique aqui.
Olhão e as suas gentes é um filme de António do Ó Aleluia realizado no final da década de 1970.  Clique aqui.
Chalet Vitória Saias na década de 1970 com a EN 125 ainda na sua versão rural...  Clique aqui.
Filme de António do Ó Aleluia em 1975 ou 1976: incêndio na R. 18 de Junho, onde está actualmente a Casa das Noivas (esquina Sul, da Rua Nova da Cruz), na cave da casa que ali existia (por onde se vê o fumo a sair por detrás de onde está o carro dos bombeiros). O que estava a arder eram tintas e diluentes que estavam guardados na cave junto com pintos e galinhas que foram as únicas vítimas. Este incêndio foi combatido por 3 Bombeiros de Olhão e 2 funcionários da Câmara Municipal.  Clique aqui.

Nota: agradecemos as preciosas informações fornecidas pelo sr. João dos Reis Salgado Nogueira (Bombeiro Municipal e Coordenador do Gabinete Municipal de Protecção Civil de Olhão)

Partidos políticos em Olhão nos primeiros períodos mais ou menos revolucionários provavelmente em 1974-76. Clique aqui.
Ano 1977: zona onde actualmente está a Praça Agadir, Bairro da Horta do Pádua, Fábrica do Vaz Velho e Escola Secundária no seu início. Clique aqui.
Finais década de 1970: local onde actualmente está o viaduto subterrâneo à linha férrea (construído só em 1983), a Biblioteca Municipal, a Praça Agadir. Na época havia uma simples cancela para regular a passagem de automóveis. Clique aqui.
Festa do Olhanense na rua, provavelmente para comemorar uma vitória e em dia incerto. Poderá ter sido em 1973, data da ascensão da equipa à 1ª Divisão (só em 2009 a proeza voltou a ser repetida). Clique aqui.
Os Mercados de Olhão em 1980: o aterro onde se construiu posteriormente o Jardim Pescador Olhanense em 1984.  Clique aqui.
Imagens de inundações em princípios da década de 1980 na Barreta e da visita  do primeiro ministro de então (Francisco Balsemão) após um incêndio que destruiu os aprestos de muitos pescadores no Largo da Feira. Clique aqui.
Belíssimo documentário de 15 mn sobre a pesca do bacalhau, tal como os portugueses ainda a praticavam em 1966, produzido pelo National Film Board of Canada. A APOS fez a tradução e legendagem em português, prestando assim a sua homenagem àqueles homens simples mas extraordinários, muitos da então aldeia da Fuseta, que arriscavam a vida desta forma heróica. Clique aqui.
Primeira versão do excelente documentário ficcionado "Floripes ou a Morte de um Mito", de Miguel Gonçalves Mendes, apresentada no encerramento de Faro Capital Nacional da Cultura 2005 em co-produção com a RTP 2. 1h07min. Clique aqui.
Uma interessante visita guiada à torre da igreja matriz de Olhão, por Nelson Farroba (a realizar) e Bruno Alexandre (a explicar): 11min. Clique aqui.

 

APOS TV: tem todos os vídeos referidos atrás, e muitos mais que encontrámos na internet, que poderão ser interessantes para quem se interessa por Olhão, assim como pelo património cultural e ambiental do Mundo. Clique aqui.